sábado, 14 de julho de 2012

Influente historiador acredita que a Igreja Católica sofrerá uma grande divisão

  Influente historiador da igreja, Diarmaid MacCulloch, disse que acredita que o cristianismo terá um futuro brilhante, mas previu que a Igreja Católica sofrerá um grande cisma, sobre seu ensinamento moral e social.
"O cristianismo, a maior religião do mundo, está se expandindo rapidamente - ao que tudo indica, o seu futuro é muito brilhante", disse MacCulloch, 60, professor de História da Igreja na Universidade de Oxford e um diácono anglicano. Seu último livro, "O silêncio da história do cristianismo," será publicado no outono.
MacCulloch disse em uma entrevista que "há também muitos conflitos" dentro do cristianismo ", e estes são particularmente grave na Igreja Católica Romana, que parece à beira de uma divisão muito grande em relação ao fracasso do Vaticano para ouvir católicos europeus."  
Ele previu que o catolicismo enfrentará uma divisão sobre as tentativas de papas João Paulo II e Bento XVI de "reescrever a história" do Concílio Vaticano II, 1962-1965, retratando-o como um "pequeno ajuste" no governo da igreja, ao invés de ser radical " mover-se para alterar a forma autoridade é expresso. "
"O conflito na religião é inevitável e geralmente saudável - uma religião sem conflitos é uma religião que vai morrer, e não vejo nenhum sinal disso com o cristianismo", disse MacCulloch. "Mas a postura dos papas produziu uma reação furiosa entre aqueles que querem mudanças. Nenhuma outra igreja na história já fez todos membros do clero celibatário. É uma peculiaridade da Igreja Latina Ocidental, e parece cada vez mais irrealista. "
A recusa do Vaticano de permitir que os católicos romanos discutam sobre o casamento do clero ou ordenação do sexo feminino "não era a reação de um organismo racional", disse MacCulloch.
MacCulloch, especialista em história moderna  e membro da Academia Britânica, co-edita o Jornal Cambridge baseado em história eclesiástica e foi condecorado no início de 2012 pelos serviços prestados.
Entre inúmeros prêmios, ele foi o ganhador de 2010 do Prêmio Cundill em História pela Universidade McGill de Montreal para o seu livro de 2009 "A História do Cristianismo: Os primeiros três mil anos", que foi acompanhado por uma série de televisão BBC.
Jonathan Luxmoore -Religion News Service  

COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS:

Gostou? Compartilhe com seus amigos. E para receber as atualizações do Blog, com textos como esse, cadastre gratuitamente agora seu Email. Sempre que novos textos forem publicados você receberá em seu Email um aviso. Muito obrigado pelo apoio.

Delivered by FeedBurner

---------------------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Obrigado pela participação no Blog. Jesus te abençoe.
Você pode comentar usando o Facebook no campo acima, ou comentar usando uma conta do Google aqui :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...